Andar a pé na cidade - viver devagar

Não posso considerar que tenha um estilo de vida "slow" dado que não consigo aplicar o conceito todos os dias da semana.

Tenho um trabalho stressante, sou obrigada a levar carro para o trabalho e chego ao final da semana com a sensação que andei sempre a correr.

Se gosto? Não, detesto. Mas de momento é esta a minha realidade.

O que faço para contrariar? O fim de semana é vivido ao ritmo do corpo, especialmente das pernas :)

O carro é utilizado ao mínimo...e muitas vezes nem é utilizado.

Quais as vantagens? Não há stress com filas e má disposição dos outros condutores e posso observar TODOS os pormenores dos sítios por onde ando.


A maioria das pessoas passa pelos sítios a correr...até o turismo hoje é descartável...perde-se mais tempo a tirar fotos que a observar. Não que não goste de fotos e recordações, mas há coisas tão interessantes para reter e muitas delas não há foto que capte.

Por exemplo, quem olha para os telhados?

Se não o fizesse não repararia nas clarabóias lindas que há espalhadas no Porto!



Se gostaria de fazer isto todos os dias? Claro que sim, mas se não posso para quê viver a pensar nisso?

Viver o momento, o que temos. Adaptar e ser feliz. O passado já foi e o futuro ainda não chegou.

Ana


6 comentários:

  1. Tão bom Ana, deviam ser mais pessoas assim como tu a viver e aproveitar o presente, mais devagar, quando se pode. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Ana e observar atentamente nesse doce caminhar é bem relaxante!!!bj

    ResponderEliminar
  3. Muito bonitas essas clarabóias, olha só o que descobres fazendo os teus lindos passeios.
    Beijinho grande

    ResponderEliminar
  4. Olá Ana. Essas claraboias são fabulosas. Há anos que as admiro. Mas tem razão, no corre-corre que é o dia-a-dia não sobra muito tempo para se observar o que de belo nos rodeia.
    Continuação de bons passeios. Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Que lindas fotos e esse modo de passar pela vida deveria ser sempre, não é? Adorei! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  6. E no Porto o que não faltam são detalhes maravilhosos para apreciar.

    ResponderEliminar

Deixem os vossos comentários, são sempre bem vindos! :)
Feel free to leave a comment, it will be appreciated :)